O movimento pela pré-candidatura de Elói Pietá está crescendo em todo o estado! Precisamos atingir a meta de coletar 5 mil assinaturas até sexta-feira (12/01)

 

 

As prévias ajudarão a construir o programa para São Paulo, definir candidaturas, a tática eleitoral e a política de alianças, além de contribuir para as mobilizações em defesa do Lula e do PT.

Sabemos que este ano será de intensas lutas sociais. A candidatura de Lula é o ponto de partida para transformações profundas em nosso país. No Estado de São Paulo, precisamos de uma candidatura ao governo pelo PT que represente uma política avançada de oposição À DIREITA NEOLIBERAL TUCANA E À AMEAÇA FASCISTA, fazendo a defesa dos direitos da classe trabalhadora. Elói Pietá pode cumprir esta tarefa!

Para garantir a inscrição do companheiro Elói no processo de prévias precisamos conquistar 5 mil assinaturas até o dia 12 de janeiro. Faça parte desse debate! Assine e divulgue!

Inscreva aqui o seu apoio à pré-candidatura de Elói a governador de São Paulo ou envie email para eloigovernador@gmail.com informando nome completo, cidade/DZ e CPF ou CNF.

 

 

Manifesto pelas prévias e pela pré-candidatura de Elói Pietá a governador de São Paulo

 

Companheiras e companheiros petistas!

O PT de São Paulo tem um enorme desafio nas eleições de 2018: contribuir para a eleição de Lula à presidência da República, conquistar o Governo do Estado e uma forte bancada no Senado, na Câmara Federal e na Assembleia Legislativa.

Só o PT pode liderar as mudanças que o povo de São Paulo quer. Em 2016, perdemos muitas prefeituras.Mas, o golpe resultou no ataque aos direitos trabalhistas e à previdência social, no desmonte da saúde, da educação, no desemprego, e na onda conservadora que criminaliza os direitos das mulheres, dos jovens, dos negros e negras, da população LGBT. A rejeição a Temer expressa que a população não quer retrocessos.

Por isso, o PT já voltou a ser o partido preferido do povo brasileiro. A liderança de Lula nas pesquisas demonstra nossa força!

 

As prévias ajudarão a construir o programa, definir as candidaturas e mobilizar em defesa de Lula e do PT

Mais do que nunca, a militância petista é chamada a construir a resistência ao golpe e a mudança em São Paulo. A força do PT, no Brasil e em São Paulo, está na diversidade e na pluralidade. Reconhecemos o direito do presidente estadual do PT se colocar como pré-candidato. Mas, sabemos que somente a apresentação de ao menos duas pré-candidaturas a governador, neste momento, propiciará o debate sobre o que é melhor para São Paulo e sobre a melhor forma de defender a candidatura e a eleição de Lula Presidente. O debate no Partido é o método que deve orientar as decisões sobre nosso programa de governo, alianças, táticas eleitorais, candidaturas ao Governo, ao Senado e chapa de deputados e deputadas federais e estaduais. É a oportunidade de reconstruir a cultura de ampla democracia no PT!

A melhor forma de levar adiante a participação de filiados e filiadas é por meio das prévias, onde cada pré-candidato poderá ouvir a militância, expor ao julgamento coletivo suas ideias, e, assim, construir um programa que represente o conjunto do Partido. Nunca couberam e não cabem agora decisões de cúpula! Todas as macros e todos os diretórios municipais do PT, em todas as regiões do estado, devem trazer os filiados e filiadas ao debate! Todos os setoriais e movimentos sociais próximos ao PT, e simpatizantes, devem participar deste amplo movimento da nação petista.

As prévias partidárias em São Paulo constituirão também parte do esforço de mobilização militante do nosso Partido em defesa de Lula e do PT, a começar por impulsionar a mais ampla mobilização, rumo a Porto Alegre e nas maiores cidades do estado, contra a condenação de Lula no “julgamento” marcado para o dia 24 de janeiro.

 

Elói Pietá nosso pré-candidato a governador: experiência, garra e compromisso com a democracia

Elói Pietá tem experiência, garra, capacidade de articulação política, carisma e concentra na trajetória de sua militância tudo aquilo de melhor que o PT produziu nesses quase quarenta anos de história. Professor e advogado, Elói forjou sua ação política a partir da resistência à ditadura militar, e na organização das associações de moradores de bairros na luta por equipamentos e serviços públicos, transporte coletivo, moradia, urbanização de favelas, e apoio ao movimento sindical. Participou da fundação do nosso Partido. Foi eleito vereador em Guarulhos em 1982 e 1988. Em 1990 foi eleito deputado estadual, reeleito por duas vezes até 2000, quando se tornou prefeito de sua cidade, a segunda maior do estado de São Paulo, sendo reeleito em 2004. Sua gestão foi marcada por uma inédita expansão na educação, saúde, e serviços públicos à periferia, pela ampla participação da sociedade sobre os rumos do governo, e pelo rigor ético. Concluiu seu mandato com mais de 80% de aprovação. Foi depois vice-presidente da Fundação Perseu Abramo e secretário-geral nacional do PT.

 

Petista não se alia a golpista!

Precisamos demonstrar na prática que o PT não faz pacto político com golpistas. Para dar um basta no controle de São Paulo pelo PSDB e seus aliados, precisamos enfrentá-los sempre! Fomos contrários ao acordo realizado pela bancada do PT com a base de Alckmin, que elegeu um golpista para a presidência da Assembleia Legislativa. Sabemos que Alckmin é o candidato do programa neoliberal colocado em prática pelo golpe. Por isso é fundamental derrotá-lo em SP, bem como as candidaturas a governador apresentadas pelo PSDB e aliados, e pela direita fascista representada por Bolsonaro no plano nacional.

Precisamos construir uma aliança com as forças políticas de oposição aos tucanos e seus aliados, em conjunto com os movimentos populares e sindicais, e com os setores da população que sabem que o PT é o partido dos programas sociais, que fortaleceu os salários, o acesso à universidade, tirou milhões de famílias da pobreza e do desemprego, capaz de retomar a sua trajetória, colocando as reformas estruturais na ordem do dia, revogando os ataques golpistas aos direitos dos trabalhadores e à soberania nacional, culminando com uma Assembleia Constituinte. Precisamos fazer nossa campanha com as forças políticas e sociais afinadas com este programa.

 

Apoie a pré-candidatura de Elói Pietá e garanta novos apoios até 12 de janeiro!

O prazo estabelecido pelo Diretório Estadual é curtíssimo: 12 de janeiro. São necessárias 5.000 declarações de apoio a Elói Pietá por filiados e filiadas, independente do prazo de filiação, por internet ou por escrito, com o nome completoCPF ou CNF e cidade ou DZ. Envie as adesões para eloigovernador@gmail.com até a véspera do prazo. Apoie as prévias e o debate democrático no PT paulista! Contribua assim para fortalecer o Partido e para garantir a vitória contra as forças do golpe!

 

Veja aqui mais informações.

 

Publicado em: 9 de janeiro de 2018