O PL 920 do governador Geraldo Alckmin foi aprovado pela maioria dos deputados estaduais da Assembleia Legislativa de São Paulo na noite desta quinta-feira (14/12). Uma perda para o Estado, um ataque aos servidores e à população que vai carecer, ainda mais, de políticas públicas de qualidade. Em vídeo após a sessão legislativa, o deputado estadual Carlos Neder (PT) explica como foi rápida a tramitação do projeto na casa e a manobra dos parlamentares para aprovar o congelamento de recursos no estado e de investimentos em políticas públicas e de valorização profissional.

“Importante saber que esse projeto de lei não foi criado em São Paulo. É um projeto de lei que já veio pronto de Brasília e todos os estados estão sendo obrigados a aprovar nas respectivas Assembleias Legislativas um projeto de lei com este teor, porque ele é pré-requisito para que o estado de São Paulo possa renegociar a sua dívida com a União. Mais uma vez o povo paulista, os funcionários públicos e aqueles que dependem de uma boa política de saúde, educação, transporte, moradia é que serão penalizados em função de um governo que prioriza aqueles gastos que ele entende como sendo os mais importantes, mas que infelizmente não atendem os interesses da população. São os gastos relacionados aos credores internacionais ou a dívida pública que nós temos no país. Fica aqui o nosso protesto. E é lamentável que a Assembleia Legislativa tenha se prestado a esse papel. Mas o Partido dos Trabalhadores, o PSOL, o PCdoB não se curvaram e não participaram dessa votação.”

Veja o vídeo: